Federico Baudelaire - Viagens IN Sanas pelo paraíso das Metrópolis


06/12/2006


Qual o sabor da tua carne de sol

?

Porque a minha carne de lua

tem um gosto interplanetário

quem sabe a minha língua

tenha o mesmo sabor do teu ovário:

 

- puta que o pariu

iso é um poema do caralho!

 

federico baudelaire

http://carnavalha.zip.net

http://almadepoeta.com/fulinaima.htm

 

Escrito por Federico Baudelaire às 18h48
[ ] [ envie esta mensagem ]

03/12/2006


artur gomes abrindo o show As Faces da Gaita - de engels espíritos

Brasília

 

goi áis cerrado bordado

vestido de cora coralina

as vezes me deixa encantado

outras vezes me alucina

me transforma em leopardo

nas garras da tua menina

 

piqui fruto do mato

olho de boi visgo de jaca

jaraguá jaquatirica

ceilândia olho de vaca

taguatinga em meu retrato

brasília em mim significa

 

sabor de carne mordida

lambida até o caroço

na boca da bia  morena

que mora em meu poema

sem alarde

       alvorada ou alvoroço

 

arturgomes

http://jurassecretas.zip.net

http://arturgumes.zip.net

http://almadepoeta.com/fulinaima.htm

 

 

Escrito por Federico Baudelaire às 14h17
[ ] [ envie esta mensagem ]
Busca na Web: